Os exemplares desta raça atingem a sua maturidade aos 6 meses de idade chegando a 3,5 Kg. A estrutura do corpo deve ser equilibrada. Vista de cima, deve afinar ligeiramente dos ombros até os quadris. Não deve ter ombros ou quadris massudos nem amplos, mas deve ser bem preenchido de tônus muscular. Vista de lado, a linha superior deve arquear moderada e graciosamente da nuca até a base da cauda. O animal não deve dar a aparência de ser largo, com lados planos, ou recortados nas ancas. Não é desejável que o coelho seja atarracado nem muito comprido. Um Negro Fogo tem sua própria forma, diferente de qualquer raça.

     Seu pêlo deve ser fino, com textura e elasticidade suficiente para um comportamento de retorno rápido. A pelagem deve ser curta e uniforme, próxima ao corpo, e permitindo à malhação aparecer visivelmente nos lados e em volta das ancas. Uma propriedade do pêlo do Negro Fogo é seu alto brilho, somado, à aparência elegante e polida e mostrando lustro. Isto indica boa condição e qualidade da pelagem, além de dar riqueza e brilho às cores.

     A distribuição da cor de fogo e a demarcação de cada parte devem ser avaliadas no julgamento. Todas as marcas devem ter corte abrupto e boa forma, sem borrões ou quebras. A marca do peito deve ter forma quase retangular. A cor de fogo deve ser uniforme e ininterrupta do queixo, passando pelo peito e barriga, até a cauda. A parte inferior da cauda deve ser cor de fogo, quanto mais rica melhor. Os círculos em volta dos olhos devem ser da cor de fogo e envolver os olhos. A parte baixa da frente dos pés e pernas dianteiros deve ter a mesma cor do corpo, além de ser livres de malhação. A parte de trás e os dedos devem ser totalmente cor de fogo. As almofadas plantares dianteiras devem mostrar tom de fogo. As orelhas devem ter bordas cor de fogo bem definidas na parte interna, com a cor entrando bem pelas orelhas.

Barra de pesquisa

Galeria

Últimas fotos